Apresentação

Com a publicação da Instrução Normativa 01 de 2016 (Instrução conjunta do então Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (atual Ministério da Economia) e Controladoria Geral da União), as instituições públicas federais foram orientadas a adotar medidas para a implementação e fortalecimento de práticas relacionadas à gestão de riscos, aos controles internos e à governança institucional.

Em 2017, a UFS constituiu o seu Comitê de Governança, Riscos e Controles e estabeleceu princípios e diretrizes para a Política de Gestão de Riscos da Universidade (Portaria nº 772/2017/GR).

Com o aprimoramento das políticas de governança no governo federal e o debate contínuo entre as próprias universidades acerca de melhores práticas em gestão de riscos, instituiu-se uma nova política de gestão de riscos na Universidade, constituindo-se comitê específico para a gestão desta política, denominado Comitê de Gestão de Riscos e Controles da UFS – CGRC/UFS (Portaria 648/2020/GR).

Competências do Comitê de Gestão de Riscos e Controles - CGRC/UFS:

Compete ao CGRC conduzir a execução do Plano de Gestão de Riscos e Controles da UFS, além de:

I - elaborar o Plano de Gestão de Riscos e Controles da UFS;

II - prestar apoio e orientação técnica às unidades administrativas da Universidade, visando o cumprimento das determinações estabelecidas nesta política;

III - supervisionar e auxiliar na a implementação e execução da Política de Gestão de Riscos e Controles, com o apoio permanente de outras unidades de gestão na UFS;

IV - elaborar proposta de metodologia para gestão de riscos e suas revisões;

V - propor a definição dos requisitos funcionais necessários à ferramenta de tecnologia de suporte ao processo de gerenciamento de riscos;

VI - propor a definição dos níveis de apetite a risco dos processos organizacionais;

VII - propor a definição dos responsáveis pelo gerenciamento de riscos dos processos organizacionais;

VIII - dar suporte à identificação, análise e avaliação dos riscos dos processos organizacionais selecionados para a implementação da Política de Gestão de Riscos e Controles;

IX - monitorar a evolução dos níveis de riscos e a efetividade das medidas de controle implementadas;

X - requisitar aos responsáveis pelo gerenciamento de riscos dos processos organizacionais as informações necessárias para a consolidação dos dados e a elaboração dos relatórios gerenciais.

XI- consolidar os resultados das unidades monitoradas em relatórios gerenciais;

XII - propor, em articulação com a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas, capacitações continuadas em Gestão de Riscos e Controles para os servidores da UFS;

_________________________________________________________